Colégio Bonja, em Joinville-SC, forma primeira turma de pós-graduação em Educação Bilíngue


Originalmente disponível em http://escola.ielusc.br/portal/PORTAL-NOT-4883

Vinte e cinco professores apresentaram seus Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) da Pós-graduação Lato Sensu em Educação Bilíngue no último sábado (9). O curso formou vinte professores do Colégio Bonja e cinco da Escola Barão do Rio Branco, que também faz parte da Rede Sinodal de Educação.


A atividade é uma parceria entre o Colégio Bonja e o Instituto Superior de Educação Ivoti, que há mais de 50 anos forma professores de línguas estrangeiras com qualidade. De acordo com a Coordenadora do Bonja Internacional, Angela Cristina Cardoso, os temas apresentados refletem sobre a prática dos docentes na educação bilíngue e nos idiomas das línguas inglesa e alemã. “Os professores puderam relacionar a teoria e a prática e refletir sobre como aprimorar seu trabalho. Foi uma experiência única e os projetos desenvolvidos durante o curso já estão beneficiando nossos alunos, que contam com professores mais capacitados e mais preparados para levá-los ao melhor desempenho”, destaca.


Os pós-graduados passaram por um curso robusto, com disciplinas relacionadas a neurociência, metodologias, teorias sobre bilinguismo, alfabetização e biletramento, tecnologia e material didático para educação bilíngue, avaliação entre outras temáticas importantes. Também tiveram aulas com professores referência em educação bilíngue de São Paulo e do Rio Grande do Sul, como Selma Moura, Antonieta Megale e Lyle French.

Confira as temáticas e os autores:


Ana Claudia Wolf Kratsch  A literatura contemporânea no ensino do inglês como língua estrangeira.


Andressa Marchi  Contos de fadas na educação infantil bilíngue: desenvolvendo a oralidade na segunda língua.


Cristiane Paola Rodrigues Soares  Crianças com TPA e a aprendizagem de L2 e L1.


Christianne Klinger  O desenvolvimento da oralidade na segunda língua: alunos de 2ª e 3ª série de alemão do Ensino Fundamental.


Elzbieta Straw A. Espindola  Neurociência, bilinguismo e o processo de aprendizagem na primeira infância.


Daniela Exner de Carmona Esteves  Identidade docente e pedagogia de projetos: desafios para o ensino bilíngue alemão.


Elisa de Andrade Teixeira  Práticas translíngues: ensino de línguas estrangeiras na educação infantil.


Jeferson Rodrigo Kern – Práticas translíngues no Ensino Bilíngue Alemão: um estudo de caso.


Katyara Wittich – Musicalização no Ensino Bilíngue Infantil: desafios e perspectivas na aprendizagem da Língua Estrangeira.


Julie Ann Melville  Como os participantes da disciplina TOK desenvolvem a sua reflexão pessoal em relação a problemas sociais e o papel de mediação do professor como interlocutor nesse processo.

 
Larissa de Oliveira –
 Inteligência emocional no contexto educacional: desenvolvendo competências socioemocionais para enfrentar os desafios do século XXI.


Manuel Warkentin – Representação social da Língua Alemã: concepção de pais de alunos de um currículo bilíngue em Joinville.


Marciele Reichert – Língua estrangeira e bilinguismo: desafios e variantes no processo de ensino.


Maryvone Cunha de Morais – Enigmas da gestão docente e do Ensino Bilíngue: desafios para um ensino significativo.


Mercy Ann Copeland Calmet – Biletramento: reflexão sobre as “pontes” entre as línguas.


Mónica Edith Bonetti de Laguna – A inteligência emocional e a aprendizagem da Língua Espanhola: elemento motivacional e cultural na aquisição da L2.


Nathan Michael Riley – How collaborative learning can promote critical thinking in bilingual education.


Raquel Lavratti Calsing – Native-speakerism: o mito do falante nativo.


Renata Cristina da Silva Hounsell – Mediação da interrelação entre metodologias ativas e TICs.


Sandra Regina Köhntopp – Campos de experiência e o currículo integrado bilíngue no maternal B.


Samantha Bernardo – A linguagem corporal na educação bilíngue.


Sara Maria da Silva Da Silveira – O desenvolvimento da oralidade pelo viés lúdico: uma reflexão no contexto.


Sorayde Daniela Henschel Darius – Jogos tecnológicos e o ensino de língua inglesa nas séries iniciais.


Suelen Teixeira De Menezes – Aprendizagem significativa: o impulso das metodologias ativas na Educação Bilíngue.


Tainara Martins – Gênero audiodescrição: o uso didático na educação infantil em língua inglesa.

O que você acha? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s