Divulgando pesquisas sobre Educação Bilínque em Moçambique: as contribuições de Samima Patel


Hoje quero divulgar o excelente trabalho da colega Samima Patel, da Unicamp, sobre Educação Bilíngue em Moçambique. Tanto sua tese de doutorado, defendida em 2012, quanto sua dissertação e mestrado, defendida em 2006, estão disponíveis para download na Biblioteca Digital da Unicamp, e trazem importantes contribuições para nossa área de estudos. Confira abaixo os resumos:

Um olhar para a formação de professores de educação bilíngue em Moçambique: Foco na construção de posicionamentos a partir do locus de enunciação e actuação.

A view at teacher training in bilingual education in Mozambique : focus on building positioning from the locus of enunciation and actuation

Samima Amade Patel, Tese de Doutorado defendida no IEL-Unicamp em 2012

Resumo:

O presente estudo é o resultado de uma pesquisa qualitativa, com um viés etnográfico interpretativo (ERICKSON, 1982; MASON, 1997), situada na Linguística Aplicada em sua vertente INdisciplinar (MOITA LOPES, 2006) e transgressiva (PENNYCOOK, 2006), com atenção particular em contextos de minorias (MAHER 1997, 2006) ou minoritarizados (CAVALCANTI, 1999, 2006), bem como no contexto sociolinguístico moçambicano (LOPES 2004). A pesquisa focaliza os posicionamentos dos formandos do II Curso da Licenciatura em “Ensino de Línguas Bantu” da Universidade Eduardo Mondlane, em Moçambique e nos Institutos de Formação de Professores, com base nas disciplinas de “Didáctica de Ensino de Línguas Bantu e Metodologias de Educação bilingue” e “Estágio”. O trabalho busca sustentação teórica nos Estudos Culturais (BHABHA, 1994; CAVALCANTI, 2007, 2011; HALL, 1992, 1999; MAHER, 1998, 2007; WOODWARD, 2009; SILVA, 2009) e Estudos Poscoloniais (APIAH, 1997; BHABHA, 1994; CAVALCANTI, 2007, 2011; LOOMBA, 1998; MENEZES DE SOUZA, 2004; SOUSA SANTOS, 2004). No concernente ao posicionamento, a tese sustenta-se em teorias sobre o posicionamento interaccional (MOITA LOPES, 2009; WORTHAM, 2001) e posicionamentos marcados como ideológicos (BORBA, 2011; MOITA LOPES, 2009). Neste estudo opero numa visão de linguagem dialógica e discursiva e no reconhecimento do bilinguismo e educação bilingue (CAVALCANTI, 1999, 2011; GARCIA, 2009; MAHER, 1998, 2006; ROMAINE, 1995) e, ainda, do letramento/literacia e e-letramento/e-literacia como práticas sociais específicas (BARTON, 2006; CAVALCANTI, 2001; FREIRE, 2002; HORNBERGER, 2003; MARTIN-JONES, 2010; STREET, 1984, 2003). Tendo os Fóruns de Discussão em ambiente virtual como foco principal da análise procedi à investigação dos posicionamentos dos participantes em seu processo de formação, visando responder a questão norteadora do estudo: “Como os participantes da pesquisa se posicionam interaccionalmente no processo pedagógico de sua formação como formadores de professores de educação bilingue?” Para isso foram escolhidos, para a análise, os seguintes temas vistos como importantes na sua formação: (a) bilinguismo e educação bilingue, (b) cultura, identidade, diferença e (c) pragmatismo profissional. Os resultados mostram que, na transição entre as aulas presenciais, o ambiente virtual e o estágio pedagógico, os participantes da pesquisa, especialmente os alunos, transitam entre posicionamentos críticos ou de aceitação, ideologicamente marcados como étnicos/linguísticos/culturais ou marcados como unidade nacional, na maioria das vezes, relacionados ao contexto moçambicano e indo além do contexto educacional. Assim, no que se refere a bilinguismo e educação bilingue há questionamento sobre hipóteses de ensino em contexto bilingue, principalmente, em relação a conceitos tais como bilinguismo equilibrado e semilinguismo, políticas linguísticas e direitos linguísticos. Quanto a cultura, identidade e diferença há tensões críticas pessoais, interétnicas e institucionais fortemente colocadas. No concernente a profissionalização há uma busca de espaço de trabalho legitimado por políticas linguísticas favoráveis às línguas Bantu e à educação bilingue.

Abstract:

This study is the result of a qualitative research, under an ethnographic interpretative perspective (ERICKSON; 1982; MASON, 1997) set on INdisciplinary (MOITA LOPES, 2006), and transgressive Applied Linguistics (PENNYCOOK, 2006), with especial attention to minority (MAHER, 1997; 2006), or minoritisized contexts (CAVALCANTI, 1999; 2006), as well as Mozambican sociolinguistic context (LOPES, 2004). The research focuses on positioning of those graduating in the II Teaching Course on Bantu Languages, offered by the University Eduardo Mondlane in Mozambique and the Teachers’ Training Institutes, based on data collected at the subjects: Bantu Languages Teaching Didactics and Bilingual Education Methodology, and Supervised Internship. This study designs its theoretical basis on Cultural Studies (BHABHA, 1994; CAVALCANTI, 2007; 2011; HALL, 1992; 1999; MAHER, 1998, 2007; WOODWARD, 2009, SILVA, 2009), and postcolonial studies (APIAH, 1997; BHABHA, 1994; CAVALCANTI; 2007, 2011; LOOMBA; 1998; MENEZES DE SOUZA, 2004; SOUSA SANTOS, 2004). Concerning its point of view, the dissertation is based on theories about interactional positioning (MOITA LOPES, 2009; WORTHAM, 2001), and those positioning marked as ideological (BORBA, 2011; MOITA LOPES, 2009). I carry out this study under a dialogical and discursive view of language, and the recognition of Bilingualism and bilingual education (CAVALCANTI, 1999, 2011; GARCIA, 2009; MAHER, 1998; 2006; ROMAINE; 1995), as well as literacy and e-literacy as specific social practices (BARTON, 2006; CAVALCANTI, 2001; FREIRE, 2002; HORNBERGER, 2003; MARTIN-JONES, 2010; STREET, 1984, 2003). Virtual Discussion Forums were the main target for analysis, and the investigation of participants on training process was carried out in order to answer the study’s guiding question: How do the study participants set their positioning, in interactional terms, on pedagogical process of their own apprenticeship as Bilingual Education Teacher Trainers? The topics chosen for analysis, regarded as important to their training process were (a) bilingualism and bilingual education; (b) culture, identity, difference; and (c)professional pragmatism. Results showed that participants, on the transition between classes, virtual environment, and pedagogical internship, especially those ones finishing the course, ranged from critical positioning to those of acceptation, ideologically marked as ethnic/linguistic/cultural, or marked as national unity, mostly related to Mozambican context and going beyond educational context, Thus, concerning bilingualism and bilingual education, there is questioning about teaching in bilingual context hypotheses, mainly about concepts such as balanced bilingualism and semilingualism, linguistic politics and linguistic rights. Regarding culture, identity, and difference, there are strongly set personal, interethnic, and institutional conflicts. Concerning professional perspectives, there is a pursuit for working opportunities legitimated by language policies favorable to Bantu languages and bilingual education.

Olhares sobre a educação bilingue e seus professores em uma região de Moçambique

Samima Amade Patel, Dissertação de Mestrado defendida no IEL-Unicamp em 2006

Resumo:

O presente trabalho focaliza a construção de significados sobre a educação bilingue e o professor de educação bilingue, em Moçambique, levando em consideração os pontos de vista de alguns profissionais que actuam em órgãos educacionais oficiais e organizações não governamentais parceiras da Educação e de representantes da sociedade, com ênfase nos pais, alunos, líderes comunitários e no próprio professor. Esta pesquisa é de cunho etnográfico o que implicou a realização de um trabalho de campo para a geração dos registos que forneceram os dados para a análise, através de gravações em áudio, de entrevistas e conversas com os professores e outros participantes, observação de aulas de programas de educação bilingue e monolingue e notas de campo. Além disso, um estudo documental também contribuiu para constituir o corpus do estudo. Do ponto de vista teórico, a pesquisa, de natureza aplicada, sustentou-se à luz de algumas teorias sobre a pesquisa de cunho etnográfico (Erickson, 1982; Mason, 1997; Cavalcanti, 1991, 1999, 2006), sobre bilinguismo e educação bilingue (Grosjean, 1982; Hamel, 1989; Baker 1993; Romaine, 1995; Hornberger 2003) e educação bilingue em contextos de minorias ou maiorias tratadas como minorias com enfoque na formação de professores (Cavalcanti, 1999, 2006; Maher 1997, 2006), e considerações sobre o conceito de representação (Hall, 1996; Woodward, 1997; Silva, 2000), bem como sobre o contexto sociolinguístico em África e Moçambique (Bamgbose, 1991; Lopes 2004). Como resultado, o estudo mostra que a construção de significados sobre a educação bilingue e o professor se desenvolve num contexto de desigualdade sociolinguística originando que o professor e a educação bilingue sejam bem vistos nas comunidades locais onde as línguas moçambicanas têm prestígio e sejam vistos com alguma reserva em contextos urbanos, onde não se sente o impacto da educação bilingue. O discurso oficial e os documentos sobre as políticas do desenvolvimento curricular para o ensino primário parecem reconhecer a educação bilingue assim como o professor de educação bilingue, mas do ponto de vista da efectivação de políticas de expansão, estes elementos não são tidos em conta. Por isso, o seu lugar no contexto educacional moçambicano é, ainda, incipiente, mas parece haver um espaço para o desenvolvimento gradual de programas de educação bilingue

Abstract:

The focal point of this work is on the construction of meanings of bilingual education and the bilingual teacher in Mozambique. It takes into account the point of view of professionals acting as officials of education and non-governmental organizations and representatives of the civil society specially parents, students, community leaders and the teacher him/herself. The research is mainly an ethnographic one and therefore a field work was carried out to generate data for analyses and was done through audio recording, interviews and discussions with teachers and other participants, observations of bilingual and monolingual classes and field taken notes. The study of documentation was also done as part of the body of the work. From the theoretical point of view, this applied research was based on some ethnographic research theories (Erickson, 1982; Mason, 1997; Cavalcanti, 1991, 1999, 2006), on bilinguals and bilingual education (Grosjean, 1982; Hamel, 1989; Baker 1993; Romaine, 1995; Hornberger 2003) and bilingual education in the context of minorities or majorities treated as minorities with emphasis on teacher training (Cavalcanti, 1999, 2006; Maher 1997, 2006), and considerations on the concept of representation (Hall, 1996; Woodward, 1997; Silva, 2000) as well as over the sociolinguistic context in Africa and Mozambique (Bamgbose, 1991; Lopes 2004). As a result the study shows that the construction of meanings of bilingual education and bilingual teacher develops in a different socio-linguist context setting up an environment where the teacher and bilingual education are seen as good a thing by local communities in Mozambique where local languages have prestige and by the contrary in urban areas. In urban areas there is some reserve towards local languages and very little impact on bilingual education. The official discourse and the documentation on curriculum development for basic education seem to recognize bilingual education and the bilingual teacher. However, when it comes to the implementation in a much large scale of this policy almost nothing is done. It is for that reason that the space of bilingual education in Mozambique is incipient. However, some steps are being taken for the gradual development of bilingual education

Um comentário

O que você acha? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s