FCEE propõe medidas para educação bilíngue em SC

28/02/2010

EB para surdos


Orinalmente disponível em http://www.fcee.sc.gov.br/index.php?option=com_content&task=view&id=416&Itemid=1

São José, 17/06/2006 – A Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE) sediou, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SED), na terça-feira (16/6), reunião que apresentou o projeto de pesquisa para implementação e acompanhamento do desenvolvimento da educação bilíngüe na área de surdez no Estado de Santa Catarina (SC).

pol_surdos_2.jpg

O encontro foi realizado através da Diretoria de Ensino, Pesquisa e Extensão (DEPE) e do Centro de Capacitação de Profissionais da Educação e de Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS) da FCEE, com o objetivo de apresentar uma proposta de pesquisa a ser aplicada inicialmente em três escolas de ensino fundamental de SC. A EEB Nossa Senhora da Conceição, da 18ª Gered (Grande Florianópolis), a EEB Rui Barbosa, da 23ª Gered (Joinville) e a EEF, São Cristóvão, da 21ª Gered (Criciúma) foram escolhidas pelo fato de terem participado do projeto de pesquisa em 2004, que resultou no lançamento da Política de Educação de Surdos de SC e por possuírem um número expressivo de alunos surdos.

Segundo a coordenadora do CAS, Jeane Rauh Probst Leite, a aceitação foi unânime entre os participantes. A pesquisa obedece a um protocolo, o qual estabelece a realização de entrevistas com pais, alunos (surdos e ouvintes), professores, funcionários, servidores, intérpretes, instrutores surdos e professores bilíngües com a finalidade de se obter dados que subsidiem a implementação da educação bilíngue na área da surdez. Probst destaca como fundamental para o sucesso do projeto as ações de capacitação dos profissionais envolvidos. “Trata-se de uma proposta de mudanças na cultura e no currículo das escolas, e também da adoção de novas estratégias pedagógicas a partir de  um ambiente bilíngue”, declarou.

Participaram da reunião na FCEE o gerente de ensino fundamental da SED, Isaac Ferreira; a integradora de Educação Especial e Diversidade de Joinville, Sonia Serpa, representando a Gerência Regional de Educação (Gered) daquele município; os gerentes regionais de Educação das Gereds de Criciúma e da Grande Florianópolis, Arcanjo Nuernberg e Ari César da Silva, respectivamente; diretores e equipes técnicas de escolas participantes do projeto em SC; integradoras; e a equipe do CAS.

Fonte: Assessoria de Imprensa FCEE

Anúncios

Siga-nos!

EBB nas redes sociais

Nenhum comentário ainda.

O que você acha? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: